Sistema de energia híbrido inovador a ser entregue pela Aggreko para mina de ouro 4.500 m acima do nível do mar

[ad_1]

LONDRES, 20 de janeiro de 2021 /PRNewswire/ — A Aggreko, fornecedora líder mundial de soluções de energia móvel e modular, assinou um contrato com a operadora de mineração global Gold Fields para fornecer um sistema híbrido de 25,9 MW para a mina de ouro a céu aberto Salares Norte no Chile. Esta inovadora solução fotovoltaica-térmica oferece energia para a mina inteira, situada a uma altitude de 4.500 m na cordilheira dos Andes, a 190 km de distância da cidade mais próxima. Uma vez concluída, atingirá uma economia de 7,4 milhões de dólares em custos de economia de energia na próxima década e mais 1,1 milhão de dólares em compensação de impostos de emissão de carbono ao longo da vida útil do projeto Aggreko, além de 104.000 toneladas de economia de emissões de carbono.

O sistema híbrido compreenderá tanto geradores a diesel customizados para altas altitudes quanto unidades de energia solar Aggreko, otimizados para aplicações fora da rede e prontos para atender a condições de vento extremas. Cada um dos geradores fornecerá 772 kW e incorporará as unidades Spinning Reserve e Cold Reserve para gerenciar com eficiência picos de demanda. Este sistema de geração a diesel será integrado com unidades solares, que, uma vez instaladas, fornecerão 9,9 MW de energia livre de custos e de emissões.

O sistema fornecerá uma fonte de alimentação confiável e modular em todos os cinco pontos de distribuição da mina, ao mesmo tempo em que superará os padrões ambientais do governo chileno, bem como a necessidade da Gold Fields de uma geração mínima de 20% de energia renovável para operações de mineração. Com capacidade total, a Salares Norte produzirá uma média de 12,7 toneladas de ouro por ano com a Aggreko como única fornecedora de energia.

A solução modular de aluguel suporta um investimento consolidado, permitindo maior controle de custos e compromissos variáveis, ao mesmo tempo em que garante excelência operacional contínua na mina.

Ao comentar sobre a notícia, Pablo Varela, diretor geral da América Latina da Aggreko, disse: “À medida que a transição energética continua a aumentar o ritmo, nossos clientes estão cada vez mais em busca de soluções de energia flexíveis que possam apoiar as operações de forma confiável, ao mesmo tempo em que reduzem as emissões de carbono e baixam os custos. Soluções híbridas que incluem energia solar permitem um fornecimento de energia confiável e flexível, ao mesmo tempo em que reduzem as emissões de carbono.”

O contrato de 10 anos entre a Aggreko e a Gold Fields representa a forte relação de trabalho entre as empresas e segue uma história de colaborações bem-sucedidas em todo o mundo, como a recente instalação de uma das maiores microrredes renováveis do mundo na mina Granny Smith da Gold Fields, na Austrália Ocidental.

 

FONTE Aggreko



[ad_2]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *